O FLORESCER DOS IPÊS DE BEAGÁ

Não sei se por conseqüência do El Niño ou da La Niña… Se pela poluição da cidade, destruição das serras que a protegem, do aquecimento global ou pelas mudanças climáticas mais aceleradas… A floração dos ipês chegou mais tarde este ano em Beagá... Mas chegou… Ainda não conseguimos matar a beleza da natureza…

Outrora cidade jardim

Beagá não mais é assim

Suas árvores e flores

Parecem fadadas ao fim

Seus muitos corredores

São pra carros e motores

Sem espaço pra sonhadores

 

Quando a chuva vem

Impermeabilidade não tem

Sobram lamentações

Cimento: a água não contém

Enchentes e inundações

Levam vidas e papelões

Na oscilação das estações

 

Quando a chuva vai

Cada folha que cai

Anuncia outro clima

O pouco verde se esvai

Mais fumaça lá encima

Mais sujeira na narina

Menos charme na esquina

 

Mas, a vida sempre espera

E logo a beleza impera

Buquês rosa começam aflorá

O inverno vira primavera

Ipês florescem pra lembrá

No pouco tempo que durá

Os jardins floridos de Beagá

 

ESTEVAM MATIAZZI/ JULHO 2019

10 comentários

    • Resumistes muitíssimo bem meu caro Daniel… a ideia foi exatamente esta: homenagear e ao mesmo tempo alertar para a necessidade de mudarmos nossas atitudes em relação à natureza e a vida de uma forma geral…

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s