O ‘MAR VERMELHO’ DE MINAS

Três anos da tragédia de Fundão em Mariana… Minas que não tem mar criou seu ‘Mar Vermelho’ estendido até o Espírito Santo… e agora, o estendeu a Brumadinho com vidas humanas e tantas outras perdidas em nome da ganância e do lucro… Do Rio Doce  aos Rios Paraopeba, Das Velhas e até nosso Velho Chico… até quando???  junto ao poema segue a música Cacimba de Mágoa do grupo Fala Mansa e Gabriel Pensador…para pensarmos o que estamos fazendo com nosso planeta…

Por entre as serras mineiras,

Tanto baixas quanto altaneiras

Em direção ao mar… serpeia…

Um ‘mar de águas vermelhas’.

O ‘mar vermelho’ de Minas

É um Rio… um Rio de doçura

Mas, que para suas vítimas,

Foi transformado em amargura…

Por impiedosas mineradoras

Com suas práticas destruidoras!

Quantos sonhos abortados!

Quantos recursos eliminados!

Quanto lucro acumulado!

Quanto descaso revelado!

Oh, BHP, Vale e Samarco

Entre tantos sofrimentos e dores,

Mataram peixes, aves e sapos…

Pela falta de seus predadores,

Disseminaram moscas e mosquitos

Com suas doenças de alto risco.

Ressuscitaram a febre amarela,

E todos os males advindos dela…

Fortaleceram o Aedes e suas sequelas.

Haja vacinas para tantas mazelas!

Oh, poderosos, como sois insensatos!

Seguem o exemplo do Faraó do Egito.

Hoje vitimam homens e macacos,

E suas próprias vidas correm perigo.

O ‘mar já está vermelho’….

Que surjam Moisés,

Para combater tantos Ramsés!

ESTEVAMATIAZZI

Anúncios

17 comentários

  1. Meu caro Daniel… na condição de um entusiasta da poesia, leio-o no seu blog, e sei da qualidade de suas poesias… você, na condição de poeta, sabes que pela poesia tentamos dizer o indizível… não esmoreceremos… obrigado pela leitura. Fraterno abraço.

    Curtir

  2. Que todas as famílias atingidas exijam indenização vultosa; caso tenha morrido apenas uma galinha, exijam vultosa indenização; sua propriedade foi invadida em apenas alguns centímetros ou o caminho para chegar até lá foi, ainda que minimamente, dificultado exijam indenização grande.
    Isso pagará o valor das vítimas? Infelizmente não, vidas não tem preço; muito menos trará de volta tantos entes queridos…
    Como sabemos que pessoas nada valem para as grandes empresas, que elas sejam atingidas no único ponto que lhes é sensível: o bolso. A situação só vai mudar quando a irresponsabilidade começar a custar caro, muito caro para as empresas…

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta para estevamweb Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s